Pular para o conteúdo

Tendinite e Bursite: diferenças, causas, sintomas e tratamentos

Tendinite e Bursite, neste artigo irei explicar quais as principais diferenças entre estas patologias.

O que é a bursa?

É uma pequena bolsa cheia de líquido (sinóvia) localizada no ponto em que um músculo ou tendão roça um osso. As bursas reduzem o atrito entre as duas superfícies em movimento.

O que é tendão?

O tendão é uma fita ou cordão fibroso, formado por tecido conjuntivo, que prendem os músculos nos ossos ou em outros órgãos.

A tendinite e a bursite são duas condições relativamente comuns, que provocam a inflamação ou inchaço dos tecidos moles, que cercam as articulações. São facilmente confundidas, porque envolvem níveis semelhantes de dor, inchaço e incapacidade.
Como os tendões e a bursa costumam estar próximos, qualquer inflamação que ocorra em um pode similar inflamação no outro.

Principais causas da Tendinite e Bursite

A tendinite e bursite tendem a ocorrer como resultado do uso excessivo de tendões e músculos, sendo as principais causas:

  • Esforço repetitivo da articulação como no caso de atletas e pessoas cujo trabalho exige os mesmos movimentos repetidamente por longos períodos;
  • Excesso de carga, de peso ou obesidade;
  • Trauma único e de forte intensidade no tendão ou na bursa como pancada, acidente ou quedas;
  • Mau condicionamento físico, aumento repentino da atividade física sem aumentar gradualmente a resistência de antemão, má postura, ou uso em uma posição forçada e desajeitada;
  • Mau condicionamento físico, aumento repentino da atividade física sem aumentar gradualmente a resistência de antemão, má postura, ou uso em uma posição forçada e desajeitada;
  • Idade – o enrijecimento natural das articulações, tendões ou bursa, se torna mais comum com o envelhecimento;
  • Em função de outras doenças, como a artrite reumatoide.

Sintomas mais comuns

Os sintomas da tendinite e da bursite são muito semelhantes, e ambos envolvem:

  • Sensibilidade e dor na parte afetada do corpo;
  • Vermelhidão;
  • Inchaço;
  • Sensação de temperatura elevada devido a inflamação;
  • Dificuldade e rigidez agravada por movimento;
  • Piora perceptível no período noturno, durante e após atividade;

Estes sintomas são mais comuns em atletas e pessoas que executam trabalhos repetitivos por um longo período de tempo. Um exemplo muito comum é você executar a ações de martelar, pintar ou até mesmo parafusar, por um longo período de tempo. Esses movimentos são propensos a desenvolver bursite ou tendinite.

Veja também:

Partes do corpo que mais sofrem com a bursite e tendinite

A inflamação pode ocorrer nas bursas ou tendões em qualquer parte do corpo, sendo a bursite e a tendinite mais diagnosticadas:

  • Ombros,
  • Cotovelos,
  • Punhos,
  • Dedos,
  • Quadris,
  • Joelhos,
  • Tornozelos,
  • Calcanhares e pés.

Diagnóstico

O diagnóstico de uma tendinite e/ou uma bursite requer uma avaliação médica, onde o especialista ortopédico iniciará os procedimentos de diagnóstico com um exame físico completo, a fim de identificar as articulações lesionadas. Ele também fará uma análise sobre o histórico médico do paciente. Caso seja necessário para confirmar o diagnóstico, o médico pode solicitar exames de imagem, como ressonância magnética ou raios-X, além de exames de sangue ou uma análise do líquido da bursa inflamada para conseguir identificar a causa da inflamação e da dor na articulação.

Receber um diagnóstico preciso de sua condição articular pode ser a diferença entre uma cura rápida ou uma lesão aguda, por isso em caso de sintomas, é imprescindível que procure um médico especialista.

Tratamento para tendinite e bursite

O tratamento da tendinite e bursite são muito semelhantes, e vai depender da causa da lesão.  Entre os principais tratamentos estão:

  • Repouso, gelo e compressão,
  • Antinflamatório para reduzir a dor e a inflamação,
  • Injeções de esteróides (injeções de cortisona) para reduzir a inflamação. As injeções podem proporcionar alívio da dor por vários meses ou anos
  • Tratamento coordenado para condições médicas subjacentes que podem agravar a bursite,
  • Fisioterapia para fortalecer os músculos, melhorar a amplitude de movimento, melhorar a postura ou técnicas esportivas inadequadas.

Como prevenir a bursite e a tendinite?

Para que você possa ter uma vida mais saudável, e o melhor, sem sentir dores constantes ou crônicas, vou dar algumas dicas para que você possa executar diariamente, e com certeza, irão lhe ajudar com os sintomas de tendinite e bursite.

  • Aqueça-se antes das práticas esportivas,
  • Evite movimentos repetitivos,
  • Faça pausas periódicas para o descanso,
  • Faça aplicação de gelo por 15 minutos (2x ao dia).

Caso os sintomas persistam, procure um médico especialista.

Fontes:
https://www.mercy.net/service/bursitis-and-tendonitis/#:~:text=Understanding%20Bursitis&text=While%20tendonitis%20causes%20pain%20during,like%20rheumatoid%20arthritis%20or%20gout. Acessado em 15/03/24
https://www.verywellhealth.com/how-are-tendonitis-and-bursitis-different-2549836 Acessado em 15/03/24
https://nyulangone.org/conditions/bursitis-tendinitis/diagnosis Acessado em 15/03/24

Precisa de ajuda?